faleconosco@crt03.gov.br

fiscalizacao@crt03.gov.br

Generic selectors
Somente correspondência exata
Buscar nos títulos
Buscar no conteúdo
Post Type Selectors
Search in posts
Search in pages

Fiquem atentos às suas prerrogativas Técnico em Design de Interiores.

  • 18 de fevereiro de 2021

A resolução nº 096/2020- CFT, dispõe sobre as prerrogativas e atribuições dos Técnicos habilitados em Design de Interiores.

A legislação em vigor que dispõe sobre o exercício da profissão dos Técnicos Industriais, as atividades dos profissionais Técnicos em Design de Interiores efetivam-se no seguinte campo de realizações: conduzir, dirigir e executar os trabalhos de sua especialidade no âmbito do design de Interiores; prestar assistência técnica no estudo e desenvolvimento de projetos e pesquisas tecnológicas, voltadas as atividades do design de interiores; Orientar e coordenar a execução dos serviços de manutenção de equipamentos e instalações de ambientes e mobiliários fixos, acompanhando inclusive a sua confecção; Dar assistência técnica na compra, venda e utilização de produtos e equipamentos especializados relacionados a atividade profissional de design de interiores; Responsabilizar-se pela elaboração e execução de projetos pertinente ao exercício profissional da atividade profissional de design de interiores.

Nos termos da legislação em vigor e para efeito do exercício profissional e de sua fiscalização, as atribuições dos Técnicos em Design de Interiores, consistem em: executar e/ou conduzir a execução técnica de trabalhos profissionais, bem como orientar e coordenar equipes de execução de instalações, montagens, operação, reparos ou manutenção de ambientes, de mobiliário e demais serviços em design de interiores e ambientes;

Nos termos da legislação em vigor, desde que compatíveis com a sua formação curricular, fica assegurado aos profissionais Técnicos em Design de Interiores as seguintes competências: estudar, planejar e projetar ambientes internos existentes ou pré-configurados conforme os objetivos e as necessidades do cliente ou usuário, planejando e projetando o uso e a ocupação dos espaços de modo a otimizar o conforto, a estética, a saúde e a segurança de acordo com as normas técnicas de acessibilidade, de ergonomia e de conforto luminoso, térmico e acústico devidamente homologadas pelos órgãos competentes; elaborar plantas, cortes, elevações, perspectivas e detalhamento de elementos não estruturais de espaços ou ambientes internos e ambientes externos contíguos aos interiores, desde que na especificidade do projeto de interiores, excluindo projetos de fachadas de edificações; planejar ambientes internos, permanentes ou não, inclusive especificando equipamento mobiliário, acessórios e materiais e providenciando orçamentos e instruções de instalação, respeitados os projetos elaborado por outros profissionais e o direito autoras dos responsáveis técnicos habilitados das áreas correlatas.

Quer saber mais sobre a resolução Nº 096/2020 clique aqui.

Últimas notícias

Conselhos se reúnem para analisar projeto de lei que pode afetar técnicos em Aracaju

O Conselho Regional dos Técnicos Industriais (CRT-03) foi convidado pelo Conselho de Arquitetura e Urbanismo de Sergipe (CAU/SE) para participar de uma reunião, realizada em…
Ler mais...

CRT-03 estreita relação com empresa de gás em Aracaju

O conselho Regional dos Técnicos Industriais da 3ª Região (CRT-03) participou de reunião, nesta quinta-feira (06/06), na empresa fornecedora de gás de Sergipe, a SERGAS,…
Ler mais...

CRT-03 recebe apoio de deputado sergipano para criação da Frente Parlamentar do Ensino Técnico

Nesta quarta-feira (05/06), o Conselho Regional dos Técnicos Industriais da 3ª Região (CRT-03) participou de audiência, em Aracaju, no gabinete do deputado estadual de Sergipe,…
Ler mais...

Fiquem atentos às suas prerrogativas Técnico em Design de Interiores.

  • 18 de fevereiro de 2021

A resolução nº 096/2020- CFT, dispõe sobre as prerrogativas e atribuições dos Técnicos habilitados em Design de Interiores.

A legislação em vigor que dispõe sobre o exercício da profissão dos Técnicos Industriais, as atividades dos profissionais Técnicos em Design de Interiores efetivam-se no seguinte campo de realizações: conduzir, dirigir e executar os trabalhos de sua especialidade no âmbito do design de Interiores; prestar assistência técnica no estudo e desenvolvimento de projetos e pesquisas tecnológicas, voltadas as atividades do design de interiores; Orientar e coordenar a execução dos serviços de manutenção de equipamentos e instalações de ambientes e mobiliários fixos, acompanhando inclusive a sua confecção; Dar assistência técnica na compra, venda e utilização de produtos e equipamentos especializados relacionados a atividade profissional de design de interiores; Responsabilizar-se pela elaboração e execução de projetos pertinente ao exercício profissional da atividade profissional de design de interiores.

Nos termos da legislação em vigor e para efeito do exercício profissional e de sua fiscalização, as atribuições dos Técnicos em Design de Interiores, consistem em: executar e/ou conduzir a execução técnica de trabalhos profissionais, bem como orientar e coordenar equipes de execução de instalações, montagens, operação, reparos ou manutenção de ambientes, de mobiliário e demais serviços em design de interiores e ambientes;

Nos termos da legislação em vigor, desde que compatíveis com a sua formação curricular, fica assegurado aos profissionais Técnicos em Design de Interiores as seguintes competências: estudar, planejar e projetar ambientes internos existentes ou pré-configurados conforme os objetivos e as necessidades do cliente ou usuário, planejando e projetando o uso e a ocupação dos espaços de modo a otimizar o conforto, a estética, a saúde e a segurança de acordo com as normas técnicas de acessibilidade, de ergonomia e de conforto luminoso, térmico e acústico devidamente homologadas pelos órgãos competentes; elaborar plantas, cortes, elevações, perspectivas e detalhamento de elementos não estruturais de espaços ou ambientes internos e ambientes externos contíguos aos interiores, desde que na especificidade do projeto de interiores, excluindo projetos de fachadas de edificações; planejar ambientes internos, permanentes ou não, inclusive especificando equipamento mobiliário, acessórios e materiais e providenciando orçamentos e instruções de instalação, respeitados os projetos elaborado por outros profissionais e o direito autoras dos responsáveis técnicos habilitados das áreas correlatas.

Quer saber mais sobre a resolução Nº 096/2020 clique aqui.

Últimas notícias

Conselhos se reúnem para analisar projeto de lei que pode afetar técnicos em Aracaju

O Conselho Regional dos Técnicos Industriais (CRT-03) foi convidado pelo Conselho de Arquitetura e Urbanismo de Sergipe (CAU/SE) para participar de uma reunião, realizada em…
Ler mais...

CRT-03 estreita relação com empresa de gás em Aracaju

O conselho Regional dos Técnicos Industriais da 3ª Região (CRT-03) participou de reunião, nesta quinta-feira (06/06), na empresa fornecedora de gás de Sergipe, a SERGAS,…
Ler mais...

CRT-03 recebe apoio de deputado sergipano para criação da Frente Parlamentar do Ensino Técnico

Nesta quarta-feira (05/06), o Conselho Regional dos Técnicos Industriais da 3ª Região (CRT-03) participou de audiência, em Aracaju, no gabinete do deputado estadual de Sergipe,…
Ler mais...